Tratados

Guia de leitura para as relações transatlânticas

20008_0606_us_eu_bh_mAgora que o Tratado de Lisboa está quase, mas mesmo quase quase, a entrar em vigor, e já que muitas das suas principais inovações se dão ao nível da política externa europeia, o que poderemos esperar das relações transatlânticas? Será que, para variar, a UE irá ter condições para marcar a relação com Washington de acordo com a sua própria agenda? O que poderemos esperar da Administração americana? 

Classicamente, o mais eficaz método que permite juízos de prognose bem fundamentados é o conhecimento do passado e o contexto histórico de uma determinada situação. Recentemente, e como tantas vezes acontece, a Foreign Affairs trouxe uma lista de sugestões de leitura para compreender as relações transtlânticas. As sugestões são comentadas e contextualizadas, e por isso permitem que cada um faça as suas escolhas conscientemente. A lista, de Jeffrey Kopstein, da Universidade de Toronto, inclui clássicos como “Political Community and the North Atlantic Area: International Organization in the Light of Historical Experience”, que Karl Deutsch et al publicaram em 1957, até best sellers como Of Paradise and Power: America and Europe in the New World Order, de Robert Kagan ou livros publicados muito recentemente, como The End of the West? Crisis and Change in the Atlantic Order, editado por Jeffrey Anderson, G. John Ikenberry e Thomas Risse.   

Outubro 12, 2009 - Posted by | 1 |

Ainda sem comentários.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: